EUA aceleram envio de armas a coalizão que combate houthis no Iêmen


Os Estados Unidos estão acelerando o envio de armas a uma coalizão liderada pela Arábia Saudita que luta contra combatentes houthis do Iêmen, que são apoiados pelo Irã, disse o vice-secretário de Estado norte-americano, Antony Blinken, nesta terça-feira.

Falando a repórteres durante uma visita a Riad, Blinken pediu que todas as facções políticas se comprometam com o que chamou de solução política consensual e afirmou que Washington está reforçando o compartilhamento de inteligência com a aliança anti-houthis.

"A Arábia Saudita está enviando uma mensagem forte para os houthis e seus aliados, a de que não podem tomar o Iêmen pela força", declarou ele, referindo-se à campanha militar de vários países árabes para evitar que os houthis assumam o controle do território iemenita.


"Como parte deste esforço, agilizamos a entrega de armas, reforçamos o compartilhamento de inteligência e estabelecemos uma célula de coordenação conjunta de planejamento no centro operacional saudita."

No Pentágono, em Washington, o coronel e porta-voz Steve Warren afirmou que os EUA estão procurando encaminhar munições para seus aliados, o que inclui acelerar encomendas já feitas.

Aviões de guerra da Arábia Saudita e de aliados árabes vêm alvejando os rebeldes xiitas que lutam para depor o presidente iemenita, Abd-Rabbu Mansour Hadi, que tem respaldo dos EUA, o que também é uma maneira de os sauditas verificarem a influência iraniana na região.

SHARE

About Redação

    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários :

Postar um comentário