Vinho de Louis Pasteur será vendido em leilão beneficente


Cento e cinquenta garrafas de vinho da vinícola criada por Louis Pasteur, no Jura (leste da França), serão leiloadas nesta quarta-feira em Paris, em benefício do programa de pesquisa da Academia de Ciências contra as doenças que atingem a madeira da videira - anunciou a instituição.

Localizada em Montigny-les-Arsures (Jura), a vinícola Rosières, propriedade da Academia de Ciências da França, foi o "laboratório ao ar livre" de Pasteur - considerado o pai da enologia moderna e inventor de pasteurização, cuja primeira aplicação diz respeito ao vinho.


A Academia de Ciências vai transformar esta vinícola de 2.500 pés em 47 hectares no primeiro local do mundo para o estudo de doenças da madeira - que tornaram-se nos últimos vinte anos tema de crescente preocupação para a indústria do vinho na França e no mundo - segundo a instituição. 

O INRA (Instituto Nacional de Pesquisa Agrícola) de Bordeaux participará da pesquisa.

A atriz Mélanie Doutey e Michel Caboche, membro da Academia de Ciências, serão os patrocinadores deste leilão de caridade que incidirão sobre as safras de 1959 a 2011. Os compradores também poderão dar lances pela internet, através da página www.drouotlive.com.
SHARE

About Redação

    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários :

Postar um comentário